CheckOK - Verificação Eletrônica de Crédito


São Paulo 26/11/2014




 
Notícias





Você Sabia que a Consulta Ok Veículo Total proporciona uma maior segurança nas transações do setor automotivo?




A consulta oferece, por meio da placa ou do chassi, todo o histórico veicular. Indicada para uma análise completa do veiculo, incluindo também os dados cadastrais do CPF ou CNPJ informado, e informações de cheques sem fundos.





 
 
 
 photo brazil01_zps5f1c7ca8.png



Inadimplência na compra de carros é de 4,4%







Atualmente, o índice de inadimplência do segmento de veículos, incluindo modelos novos e usados e motocicletas

está em 4,4% dos contratos. Significa que há cerca de R$ 9 bilhões em valores não pagos, levando-se em conta que o tamanho da carteira é de R$ 203,8 bilhões. O porcentual de calote já chegou a 6,4% em 2012, mas estava em 2,5% em 2010.


Nos Estados Unidos, a inadimplência é inferior a 1% dos contratos. O processo de recuperação é bastante ágil. A financeira fica com uma cópia da chave do carro e, após o atraso de uma prestação, envia uma notificação e, sem envolvimento da Justiça, vai atrás do bem. Quando não encontra o veículo, contrata profissionais conhecidos como hounddogs (cães farejadores) que localizam o carro e o recuperam.

No Brasil, os bancos recorrem a empresas especializadas em cobrança. Há cerca de mil delas atuando em todo o País, com aproximadamente 25 mil funcionários. As 16 maiores do ramo são representadas pelo Instituto de Gestão de Excelência Operacional em Cobrança (Igeoc). Elas buscam uma cobrança amigável e, se não conseguem um acerto, o processo vai para um escritório de advocacia que move a ação jurídica.

Dados do BC
Só as empresas do Igeoc recuperam anualmente mais de R$ 7,5 bilhões na carteira de veículos em débitos atrasados. Na fase de cobrança, as empresas oferecem o parcelamento das dívidas, dão descontos "agressivos" e prazos mais longos, informa Jair Lantaller, vice-presidente do Igeoc. "Mais de 90% das cobranças resultam em acordo, mas o porcentual que vai para a Justiça é muito, considerando-se o valor médio de um veículo, de R$ 30 mil", diz Lantaller.

Acesso Exclusivo do Cliente


Login:
Banner fatura